Câmara instala comissões das reformas trabalhista e da Previdência

Arquivado em: Geral,Politíca |
Imagem: Reprodução

Imagem: Reprodução

A Câmara dos Deputados instalou na tarde de quinta-feira, 9 de fevereiro, as comissões especiais para análise de mérito das reformas trabalhista e da Previdência. Cada colegiado teve seus respectivos presidentes eleitos e seus relatores foram designados.

Na comissão da reforma da Previdência, Carlos Marun (PMDB-MS) foi eleito para presidente, com 22 votos. Ainda disputaram a presidência do colegiado o deputado Pepe Vargas (PT-PR), que obteve 8 votos, e Major Olímpio (SD-SP), que levou 4 votos. Marun designou como relator o deputado Arthur Oliveira Maia (PPS-BA).

Ao ser eleito, Marun informou que espera concluir os trabalhos da comissão até abril. Ele disse ainda que promoverá um amplo debate da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287, que altera as regras da aposentadoria no país, e dará espaço às diferentes opiniões sobre a reforma. Ainda não foi escolhido o primeiro-vice-presidente da comissão e nem foi marcada a primeira reunião de trabalho do grupo.

Reforma trabalhista

Na comissão especial da reforma trabalhista, o candidato único à presidência era Daniel Vilela (PMDB-GO), que obteve 21 votos. Ainda foram registrados dois votos em branco. O colegiado vai analisar as mudanças propostas no Projeto de Lei do Executivo (PL) 6.788/2016.

O relator designado pelo presidente foi Rogério Marinho (PSDB-RN). Para a primeira-vice-presidência do colegiado o escolhido foi o deputado Goulart (PSD-SP). A primeira reunião do grupo está marcada para a próxima terça-feira, 14 de fevereiro.

As duas comissões especiais são formadas por 37 deputados titulares e igual número de suplentes.

Fonte: Agência CNM com informações da Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *