Produtores terão acesso a R$12 bilhões na safra 2017/2018

Arquivado em: Geral,Piauí |
Solenidade realizada pelo Banco do Brasil. (Foto:Divulgação SDR)

Solenidade realizada pelo Banco do Brasil. (Foto:Divulgação SDR)

O secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Francisco Limma, participou nesta quarta (1º) da solenidade de Pré-Custeio Safra 2017/2018 realizada pelo Banco do Brasil, que está disponibilizando R$ 12 bilhões em empréstimos para produtores de todo o país. Este recurso é direcionado para aquisição antecipada de máquinas, implementos e insumos, permitindo que os produtores tenham melhor planejamento com a compra junto aos fornecedores, proporcionando mais rentabilidade aos empreendimentos e produzindo reflexos positivos em toda a cadeia produtiva.
O agente financeiro vai disponibilizar para o Piauí, na safra 2017/2018, R$ 142 milhões; quase o dobro da safra 2016/2017 com investimentos de R$ 73 milhões até o momento. Os recursos estão disponíveis aos médios produtores, no âmbito do Pronamp (Programa Nacional de Apoio aos Médios Produtores Rurais) com taxas de 8,5% a.a., até o teto de R$ 1,5 milhão. Os demais produtores rurais acessam o crédito com encargos de 9,5% a.a. até o teto de R$ 3 milhões, descontados os valores de recursos controlados já contratados no semestre anterior.
De acordo com o secretário da SDR, que representou o governador Wellington Dias no evento, o setor do agronegócio, no Piauí, tem crescido acima da média nacional e a disponibilização deste recurso pelo BB vai incentivar ainda mais o crescimento. “Para continuarmos crescendo temos que nos modernizar na área tecnológica, no setor do conhecimento e precisamos ter mais crédito. E o Banco do Brasil tem dado esta grande contribuição. Devemos trabalhar a produção e também agregar valor, estimulando o estado e isto depende de investimento”, enfatizou Francisco Limma.
Francisco Limma disse ainda que o governador Wellington Dias tem pautado a questão da produção, da necessidade de ampliar a capacidade de investimento em todas as áreas e que o desafio é dobrar o PIB do Piauí até 2025; sendo uma forma de melhorar, sobretudo, a condição de desenvolvimento e a qualidade de vida das pessoas.
O superintendente estadual do Banco do Brasil, Pio Gomes, também apresentou outra novidade. “Além do Pré-custeio, vamos fazer também a apresentação da Investe Agro; uma nova linha de crédito destinada à modernização e aquisição de máquinas, implementos, insumos. Ao proporcionar melhores condições aos produtores rurais, o BB reforça sua posição como maior parceiro do agronegócio brasileiro, apoiando desde o pequeno produtor até às agroindústrias, reafirmando o compromisso com a satisfação dos clientes”.
O evento contou com a presença de representantes do Sebrae, da Faepi, do Senar, da Conab e da Coave.

Fonte: Larissa Machado – CCOM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *