Teto de escola desaba após fortes chuvas em Buriti dos Lopes

Arquivado em: Geral,Piauí |
teto desaba
Parte do teto da Escola Estadual Deputada Francisca Trindade, no município de Buriti dos Lopes, a 281 km de Teresina desabou na noite dessa sexta-feira (10). De acordo com a Secretaria Estadual de Educação, o desabamento ocorreu após fortes chuvas na região. Ninguém ficou ferido.
Ainda segundo a Secretaria de Educação uma equipe de técnicos foi enviada ao local para avaliar a real situação do prédio. As aulas na rede estadual de ensino estão previstas para iniciarem na segunda-feira (13).
Outros estragos
O prefeito de Bertolínia, Luciano Fonseca, decretou nesta sexta-feira (10) estado de emergência e calamidade após estragos provocados pela forte chuva no Sul do Piauí. Segundo o gestor, parte do prédio da prefeitura, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a fachada de uma escola, o muro do hospital e várias casas caíram durante a madrugada.
Com as chuvas constantes que atingem o Sul do Piauí, moradores das cidades de Currais e Bom Jesus estão enfrentando problemas para escoar a produção agrícola. A PI-392, que é a principal via de escoamento da região está intransitável. O prefeito de Currais, Raimundo Santos, encontra-se em Teresina desde quinta-feira (9) na tentativa que Departamento de Estradas e Rodagens (DER) tome providências para amenizar a situação e tonar a rodovia novamente trafegável.
Alerta vermelho
Para a meteorologista Sônia Feitosa, todo o Piauí encontra-se em alerta vermelho com previsão de fortes chuvas durante todo o fim de semana. A situação é mais complicada na região Sul do estado, onde pode registrar trovoadas, enxurradas, enchentes e desmoronamentos.
“A previsão é de até domingo o estado tenha chuvas volumosas. A preocupação maior é com a região Sul, que encontra-se com o solo bastante molhado e pode ocorrer deslizes de terra. Apesar dos estragos registrados, este tipo de chuva era previsto nesta época, quando temos bastante vento sobrando do mar”, explicou.

Fonte: Ellyo Teixeira – G1 PI – Leia mais aqui

Deixe uma resposta